Mafalda Veiga

0

Mafalda Veiga é uma escritora de canções que tem com o seu público uma relação única no panorama musical português.
Começou a tocar guitarra com 11 anos após o seu pai lhe oferecer este instrumento e a compor a partir dos 13, no início, acompanhada pelo tio Pedro da Veiga, guitarrista de Fado.
Ainda hoje é à guitarra que compõe grande parte dos seus temas.
Gravou o primeiro disco, “Pássaros do Sul” quando estava no segundo ano de Línguas e Literaturas Modernas, na Faculdade de Letras de Lisboa.
Esse primeiro disco, editado em novembro de 1987, foi disco de prata no espaço de um mês (10 mil cópias vendidas).
O tema “Restolho” que a Mafalda irá apresentar no Mini-Concerto Você na TV está incluído nesta obra.
Após o sucesso de “Pássaros do Sul”, Mafalda Veiga grava rapidamente um segundo disco intitulado “Cantar” em 1988.
Nos quatro anos seguintes, até 1991, Mafalda Veiga dedicou-se a levar as canções dos dois discos anteriores aos palcos portugueses, viajando extensivamente pelo país dando inúmeros concertos.
1992 – Nada se Repete
1996 – A Cor da fogueira, produzido por José Sarmento
Em 1999 é editado “Tatuagem”. Deste álbum, destacam-se os temas “Tatuagens”, em dueto com Jorge Palma, “Cada Lugar Teu”, “Um Pouco de Céu”, “Uma Noite Para Comemorar” e ainda os temas “No Rasto do Sol” e “Gente Perdida”, que viriam alguns anos depois a fazer parte de bandas sonoras de novelas da Rede Globo.
2000 – edição de “Ao vivo” – disco de platina
Surge a partir deste espetáculo e espontaneamente um clube de fãs fortíssimo que  virá a estar envolvido em todos os espetáculos e iniciativas da Mafalda a partir dessa altura.
Inclusivamente, alguns dos fãs que acompanham a artista desde esse período, trabalham hoje em dia com Mafalda Veiga.
2003 – edição de “Na Alma e na Pele”
2004 – edição do DVD “Coliseu 5 de Outubro”
No mesmo ano, edita o seu primeiro SONGBOOK, pelas Quasi Edições, e um conto infantil “O carocho pirilampo que tinha medo de voar” com ilustrações de Catarina Sobra.
2007 – Edição de “Lado a Lado” (projeto com João Pedro Pais) disco de platina – foi apresentado em várias noites de salas esgotadas nos Coliseus de Lisboa e Porto com Fausto, Zé Mário Branco e Jorge Palma como convidados.
2008 – Edição de “Chão” – disco de Platina que foi apresentado em três noites de salas esgotadas nos Coliseus de Lisboa e do Porto e pelo qual recebeu o Prémio Zeca Afonso
2011 – Edição de “Zoom” com produção de Fred ( Orelha Negra), participação na produção de um dos temas de João Barbosa (Branko, Buraka Som Sistema) e produção de um espetáculo com um trabalho de vídeo fortíssimo da autoria de Ricardo Alevizos e Pedro Adolfo
2013 –  participou no disco Voz e Guitarra II com uma canção de Fernando Tordo
2014 – “Todas as Palavras Tocam”, espetáculo com arranjos Filipe Raposo que foi estreado no CCB em duas noites de salas esgotadas e apresentado nos maiores auditórios por todo o país
2016 – Edição de “Praia”, novo álbum de originais de Mafalda Veiga. Em julho de 2016, Mafalda apresenta o single “O Meu Amor” e a 18 de novembro é lançado o álbum apoiado por um novo single “Olha Como a Vida é Boa”.

Sobre o disco “Praia”
Mafalda Veiga traz-nos um trabalho composto por 9 temas que entre si comungam de terem sido escritos num impulso de caminho e de futuro, à procura da força intemporal das coisas boas da vida. A autora guardou, ainda, três versões exclusivas que integram apenas a edição especial do disco.
Nas palavras da Mafalda, as canções deste disco “foram provocadas por momentos quotidianos, uns mais leves e outros mais fundos, inspiradas por coisas tão simples como uma conversa entre amigos ou a vida inteira evocada pelo som de um navio a deixar o porto de Lisboa”.
Falando ainda da capital portuguesa, esta cidade tem um papel central na nova obra de Mafalda Veiga, inspirando-a a escrever o seu primeiro “Fado”, e este seu fado promete também ser dos momentos mais belos e íntimos deste novo repertório.
Num disco que vai oscilando entre a sonoridade pop, alternativa e algo mais tradicional como o fado, todos estes géneros e canções são, nas palavras da própria compositora, “a sua praia”.
Conta com produção de Fred e da própria Mafalda e com a colaboração dos músicos Marco Nunes, Miguel Barros, Ricardo Riquier e do próprio Fred na bateria, teclados e percussão.
“Praia” teve ainda a colaboração especial de Frankie Chavez, Filipe Raposo ( amigo de longa data), Dom La Nena, Ricardo Dias Gomes e Francis Dale.

Voltar às Biografias
Partilhar