“A Toalha” – poema experimental de Salette Tavares

0

Uma mesa, uma toalha, louça, louça na toalha, toalha na louça. As palavras de Salette Tavares pela voz de Jéssica Lopes, acompanhadas de imagens oníricas filmadas no quintal da sua bisavó, onde um corpo masculino a encarna, lembrando assim que os tempos mudaram, e que agora podemos ter qualquer corpo a realizar qualquer tarefa. Uma viagem estranha e onírica nestes tempos excepcionais. Uma refeição que se serve líquida, dizem que o vinho mata o “bicho”.

Performance por Jéssica Ângelo.

Nota biográfica: Jéssica Lopes, nasceu em 1997 nas Caldas da Rainha. Atriz e encenadora. Interessa-se por desenvolver criações teatrais fundamentadas na palavra, a partir da autobiografia, do testemunho de pessoas, da fotografia e da memória. Formada em Artes Visuais na Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, licenciada em Teatro na Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha, ESAD.CR e agora aluna do Mestrado de Encenação na Escola Superior de Teatro e Cinema, ESTC. Desde Abril de 2020, está a desenvolver o projeto Por entre caminhos, um projeto de carácter comunitário, que tem por objetivo e natureza aproximar a comunidade do concelho de Óbidos às práticas artísticas, nomeadamente teatrais.

Partilhar